4 coisas que podem sabotar sua produtividade no home office e como evitá-las 28 de abril de 2021 • Notícias Destaques Notícias do CIEEPR Notícias para Estudantes

Enquanto inúmeras ferramentas e recursos tecnológicos facilitam o dia a dia de trabalho, há também os vilões da produtividade. Seja você um profissional iniciante ou mais experiente, você só vai ser produtivo quando entender a diferença entre realizar muito e trabalhar demais.

Por isso, conheça aqui os principais sabotadores de produtividade e aprenda a usar melhor as suas horas no home office.

 

1# DESORGANIZAÇÃO E FALTA DE PLANEJAMENTO

A falta de organização do fluxo de trabalho é sinônimo de perda de tempo. Afinal, estar sempre tentando descobrir onde salvou um arquivo ou informação costuma atrasar as tarefas. Por isso, antes de tudo, entenda as prioridades e favorite no seu navegador tudo que for útil para executá-las. Ferramentas como Trello, Run Run, Google Drive, podem ajudar muito com isso. Mas, o que fazer com a casa?

O quarto ou o cômodo onde você trabalha deve ser organizado antes de iniciar o expediente. Isso evita distrações, desconfortos, e pausas aleatórias para arrumar a cama ou dobrar as roupas, por exemplo.

 

2# DIFICULDADE EM DIZER NÃO OU PEDIR AJUDA

Às vezes, demandas vão surgindo e você se vê incapaz de dizer não. Situações assim podem fazer você acumular tarefas, além de comprometer a qualidade delas. A dica para combater esse sabotador é entender bem o que você consegue (ou não) fazer durante seu expediente profissional (ou dia a dia doméstico). E, a partir daí, recusar ou negociar certos prazos.

Além disso, pedir ajuda não precisa ser um bicho de sete cabeças. Tente conversar com colegas e absorver dicas que possam acelerar seu desempenho. Outro ponto importante é delegar tarefas que não precisam, necessariamente, estar na sua agenda.

 

3# FALTA DE COMUNICAÇÃO CLARA E OBJETIVA

Ter certeza que entendeu bem a mensagem do interlocutor e que se fez entender é fundamental. Essa segurança diminui os retrabalhos. Para fazer o trabalho dar certo, sempre deixe claro o contexto, o cenário, e as informações importantes para que uma tarefa seja bem executada.

No contexto do lar, uma clareza similar deve existir com seus familiares. Eles precisam entender quais são seus horários de expediente, de reuniões importantes, de descanso, de tarefas domésticas, etc. Desse modo, você evita videochamadas profissionais com a participações desavisadas. Sim, informar que você precisa de privacidade é importante!

 

4# ESTADO EMOCIONAL NEGATIVO

É uma das principais causas de queda na produtividade. Problemas pessoais, familiares, de saúde ou financeiros podem roubar sua concentração e energia do profissional. Em situações assim, vale a pena conversar com o líder, explicar o que está ocorrendo e juntos decidirem a melhor forma de conduzir o trabalho.

Ainda assim, nutrir pensamentos positivos é igualmente importante. Inclusive, algumas atitudes bem simples podem ajudar você com isso e melhorar seu estado emocional. Entre elas, ler algo inspirador e escutar músicas agradáveis logo no começo da manhã. 

 

Agora que você já sabe quais são seus principais sabotadores, use as dicas para lidar melhor com eles e deixar seu trabalho mais fluido. Tem dica bônus? Tem sim: faça pequenas pausas, tome muita água e pratique exercícios. Esses cuidados deixam seu corpo e cérebro mais dispostos e livres de preguiça.