Dicas para implementar a gestão de tempo na cultura organizacional 30 de agosto de 2021 •

Dicas para implementar a gestão de tempo na cultura organizacional

Todo mundo sabe que uma boa gestão de tempo é requisito fundamental para qualquer profissional, não é mesmo?!

Pensando nisso, separamos algumas dicas que podem te ajudar a aplicá-la com sabedoria em suas tarefas diárias e, até mesmo, na cultura da empresa.

 

O que é a gestão de tempo?

Antes das dicas, é importante compreender exatamente o que é esse conceito. Ele pode ser definido como a habilidade de priorizar demandas mais urgentes e organizar o tempo de trabalho de cada membro do seu time.

Para colocar em ação na sua empresa é preciso priorizar sempre entregas mais urgentes, evitar interrupções, resolver problemas de forma assertiva e ágil e incentivar que os colaboradores não sejam multitarefas.

Como fazer a gestão de tempo da minha empresa

Tudo isso pode parecer difícil, mas com as dicas certas é possível começar uma mudança significativa dentro da sua cultura. Confira o que preparamos para você!

1. Crie uma lista de tarefas diária

Uma lista de tarefas ajuda a organizar as equipes de forma assertiva. Isso porque, cada um dos funcionários passa a compreender quais são as tarefas que precisam ser desempenhadas durante o dia, priorizando o que tem mais importância e garantido que as entregas sejam concluídas no prazo.

Para facilitar esse trabalho, vale a pena investir em aplicativos de organização de tarefas como o Asana ou ainda o Runrun.it, esses softwares ajudam a colocar as demandas em ordem, registram atividades, organizam tarefas por data de entrega e garantem o funcionamento da sua equipe diariamente.

2. Incentive que os colaboradores façam uma coisa de cada vez

Um funcionário que trabalha em múltiplas atividades ao mesmo tempo, pode acabar comprometendo as entregas da sua empresa. Isso porque, além de não conseguir se concentrar 100% em nenhuma das atividades, pode fazer um pouco de cada atividade por dia, sem concluir verdadeiramente nenhuma delas.

Além disso, os níveis de estresse de quem trabalha dessa forma podem ser maiores e sentimentos como frustração, cansaço e fracasso podem se instalar em seu colaborador. Para combater, vale a pena incentivar o desenvolvimento completo de uma tarefa antes de passar para a próxima. Assim, o funcionário garante suas entregas diárias com mais qualidade e excelência. 

3.Reduza os atrasos

Quando o funcionário entende o tempo que cada atividade leva e o fluxo pelo qual a atividade passa antes de ser concluída, consegue aplicar estratégias para fazer entregas mais ágeis e assertivas.
Por isso, vale a pena mostrar todo esse processo aos colaboradores, garantindo que atrasos expressivos ou falta de foco não prejudiquem os prazos de outros colaboradores, ou ainda, a entrega final.

4. Crie estratégias produtivas

Pode ser interessante compreender os horários produtivos de cada um de seus funcionários. Se sente que o setor de vendas, por exemplo, têm mais tempo livre pela manhã, vale a pena estabelecer que tarefas que precisem de mais foco e assertividade sejam feitas nesse horário.

Com essas dicas, você garante mais produtividade e assertividade nas entregas e começa o processo de gestão de tempo da sua empresa. E para continuar por dentro de todas as novidades do CIEE/PR, acompanhe nossas redes sociais: InstagramFacebook, YouTube, Twitter e LinkedIn