Dia da Consciência Negra: entenda a importância desta data

No dia 20 de novembro, comemora-se o Dia da Consciência Negra, uma data muito importante para a história do país.

O Dia da Consciência Negra, comemorado no dia 20 de novembro, faz referência ao dia da morte de Zumbi dos Palmares, líder do Quilombo de Palmares, que deu a vida lutando para preservar o modo de vida dos escravos que conseguiam fugir dos lugares onde eram mantidos contra a sua vontade.

 

O contexto histórico do Dia da Consciência Negra

Durante grande parte da história do Brasil, os negros foram escravizados para prestar serviços aos homens brancos, tendo que viver em condições desumanas, amontoados dentro de senzalas.

As casas dos escravos eram de chão batido, não tinham móveis nem utensílios para cozinhar. Aqueles que adoeciam ficam sem remédios e sem atendimento médico. Muitos morreram pelas mais variadas doenças, outros por fome e apenas alguns conseguiram fugir.

O Quilombo dos Palmares foi construído para abrigar aqueles escravos que conseguiam escapar dos maus tratos e castigos de seus feitores. O local chegou a abrigar uma população de mais de 20 mil habitantes no território onde hoje é o estado de Alagoas.

 

Zumbi dos Palmares

Filho de africanos escravizados e nascido nesse quilombo, Zumbi foi educado por um sacerdote e retornou ao seu local de nascimento, com o intuito de proteger o local e dar suporte aos escravos que conseguiam escapar dos senhores de engenho.

Em 1695, com 40 anos, Zumbi foi assassinado pelo capitão Furtado de Mendonça, a mando de Domingos Jorge Velho. Foi decapitado e sua cabeça levada para Recife, onde ficou exposto em praça pública.

 

As leis

A primeira lei criada para defender o direito dos negros foi a Lei do Ventre Livre, instituída em 1871. Ela concedia liberdade aos filhos dos escravos nascidos após a lei. Depois de 14 anos, em 1885, foi criada a Lei dos Sexagenários, que proporcionava liberdade aos escravos com mais de 60 anos de idade. A Lei Áurea, assinada pela Princesa Isabel em 13 de maio de 1888, foi responsável pela libertação dos escravos.

 

Dia da Consciência Negra

O Dia da Consciência Negra surgiu para o reconhecimento dos negros, suas lutas, conquistas e tudo o que passaram desde o período colonial do Brasil. Além disso, a data serve para homenagear aqueles que lutaram pelos direitos da etnia e seus principais feitos.

Nesta data também ocorrem em vários lugares do país diversos debates sobre temas como racismo, discriminação, igualdade social, inclusão do negro na sociedade, religião e cultura afro-brasileira.



Os comentários estão desativados.

-->