FÓRUM DE APRENDIZAGEM | CIEE/PR - Centro de Integração Empresa-Escola do Paraná

FÓRUM DE APRENDIZAGEM

Participantes do 4º Fórum de Aprendizagem na sede do CIEE/PR.

 

Foi realizado, ontem (13/05), no auditório do CIEE/PR em Curitiba, o 4º Fórum de Aprendizagem do Paraná com a participação de representantes de  entidades do setor  e de entidades de assistência social  no estado.

A abertura do evento coube ao presidente do CIEE/PR, Domingos Murta, que expressou sua  satisfação em receber os participantes do Fórum para discussão em torno de vários aspectos da aprendizagem e da área de assistência social. “Esperamos que neste Fórum nasçam frutos que sejam levados para soluções que todos nós desejamos, em prol das pessoas carentes ou vulneráveis e que por isso precisam de apoio”.

 

Domingos Murta, na abertura do evento.

 

Falou que o CIEE/PR  atua como entidade de assistência social, mediante o desenvolvimento de programas não só de aprendizagem, mas também de estágio para estudantes, cursos de capacitação para o  trabalho  e programas sociais, entre os quais se destacam Família em Ação e Jovem em Ação, recentemente  criados e que já estão gerando benefícios a milhares de participantes. “Estes programas sociais são, seguramente, os mais importantes que realizamos porque atingem as populações mais vulneráveis. Por isso nos sentimos gratificados quando ajudamos jovens aprendizes a realizarem seus sonhos de conseguir o primeiro emprego”  – frisou Murta – acrescentando ainda que o Fórum de Aprendizagem do Paraná é uma ferramenta importante para encaminhar jovens ao mercado de trabalho.

Por sua vez, o Diretor de Políticas Públicas da Secretaria da Justiça do Paraná, Felipe Braga Cortes, discorreu sobre as peculiaridades na contratação do Aprendiz Pessoa com Deficiência (PCD), informando que a lei permite que pessoas com deficiência sejam contratadas na condição de aprendizes, sem limite de idade máxima para ingressar no programa.

A partir da direita, Felipe Braga Cortes (diretor de Políticas Públicas da Secretaria de Justiça do Paraná); Renann Ferreira – vice-coordenador do Fórum Estadual da Aprendizagem; Rui Tavares -auditor fiscal do Ministério da Economia, representou o superintendente regional do Trabalho; e Regina Célia – coordenadora do Fórum Estadual da Aprendizagem.

Ao final, ficou estabelecido que será criado um grupo de trabalho para planejamento de novas ações relacionadas ao tema.



Os comentários estão desativados.

-->